NOTÍCIAS

ACIJ entrega doações à COTIDIANO entidades assistenciais

Terça-feira, 8 de Julho de 2014

Em junho, a Associação Comercial e Industrial de Jaguariúna (ACIJ), em parceria com a JRS Computação e Faculdade de Jaguariúna, promoveu o workshop Alta Performance em Vendas, com Raúl Candeloro. O evento empresarial, que contou com a participação de empresários, profissionais de vendas, do setor de serviços, comerciantes e estudantes, também ganhou destaque pelo caráter solidário do palestrante, que doou toda a arrecadação obtida através do pagamento da taxa de inscrições para quantro entidades assistenciais de Jaguariúna e região: Lar Feliz; APAE; Associação Amigos do Padre Gomes; e Lar dos Velhos Flamínio Maurício.

A entrega dos cheques, com o valor de R$ 5,6 mil cada, ocorreu na manhã de sexta-feira, 27 de junho, na sede da ACIJ. “Um workshop com Raul Candeloro custa cerca de R$ 20 mil e para que pudéssemos pagar o evento e fazer esse tipo de doação teríamos que recorrer a patrocinadores. Felizmente, pudemos contar com a solidariedade do palestrante, que doou todo o alor pago pelos 280 inscritos às entidades assistenciais por nós sugeridas”, disse o idealizador do projeto e diretor de marketing da ACIJ, João Rodrigues dos Santos, que já adianta estar contatando outros profissionais de “alta performance” em suas respectivas carreiras para que esse tipo de evento aconteça com mais frequência.

Entidades

Para a Associação Amigos do Padre Gomes, que mantém dois centros de convivência em Jaguariúna, o Lar dos Velhinhos “Raízes da Vida”, que atende a 65 idosos (três residentes) e o Centro de Convivência da Criança e do Adolescente “Santo Antonio”, com uma clientela de 64 crianças na faixa dos 2 aos 12 anos de idade, o recurso chegou em boa hora. “Estamos felizes por não termos que usá-lo para cobrir dívidas, mas para investir em melhorias na estrutura física dos prédios, o que reflete no bem estar das pessoas atendidas”, frisam os representantes da entidade, Lúcio Pires e Antonio Galvão de Queiroz.

Em nome da APAE, Nelson Sperone, ressaltou a importância do gesto e informou que o recurso será destinado à compra de materiais e manutenção da própria entidade. “As doações são sempre bem vindas, porque trabalhamos com recurso apertado e são vários projetos em execução. Agradecemos a todos que colaboraram nesse evento e desejamos sucesso para que outras iniciativas como essa aconteçam,” frisou Sperone.

Luiz Flores, presidente do Lar dos Velhos ‘Flamínio Maurício’, de Pedreira, entidade que acolhe a 60 idosos, 13 de Jaguariúna, falou sobre a dificuldade que as entidades assistenciais administradas por voluntários encontram para se manter de portas abertas. De acordo com ele, o Lar conta com 50 funcionários e uma despesa mensal na casa dos R$ 150 mil, coberta através de subvenção e doações. “A maioria das instituições de caridade administradas por voluntários, passam por dificuldades financeiras e toda receita que entra é bem vinda, auxilia materialmente. Esta iniciativa também é uma maneira de mostrar à sociedade que certas atitudes engrandecem a alma, principalmente as que têm como base o amor ao próximo. Se todos agissem dessa forma teríamos um País melhor”, destacou Luiz Flores.

Paul Van Opstal, representando o Lar Feliz, instituição que acolhe a 55 crianças, adolescentes e jovens em situação de risco, na faixa etária dos 0 a 18 anos de idade, também enfatizou as dificuldades para manter a entidade e ressaltou a importânciade um trabalho conjunto para que juntas se fortaleçam.

Ele fechou a solenidade, informando que a doação será aplicada em projetos e na estrutura física do abrigo, agradeceu a todos pelo esforço, pela ajuda e ez um convite para uma visita à instituição e ao trabalho que está sendo desenvolvido, muitos com apoio de empresas como a Ambev, Takeda, CPFL, Banco do Brasil, entre outras.